Portal de Eventos do IFSP Tupã, 1º Congresso sobre Ambiente, Tecnologia e Educação

Tamanho da fonte: 
Prática ecopedagógica no reaproveitamento resíduos domésticos
Gustavo Herold, Paulo Renato Matos Lopes

Última alteração: 2018-09-17

Resumo


A problemática dos resíduos urbanos tem destaque devido sua crescente produção e seu inadequado descarte. Sabendo-se que mais da metade do “lixo” doméstico produzido no Brasil é orgânico, a vermicompostagem apresenta-se como alternativa para reutilização desses materiais. Assim, o objetivo do trabalho foi implantar vermicomposteiras em escolas de Dracena como ferramenta na reeducação da sociedade em hábitos cotidianos de cuidado com o meio ambiente. Como instrumento pedagógico, foi entregue uma vermicomposteira aos alunos do 4º ano do ensino fundamental do Colégio Objetivo. Estes foram instruídos quanto ao manejo e às etapas do processo biológico com minhocas. Periodicamente, foram realizadas visitas de monitoramento das atividades para verificar a efetiva participação das crianças. Ao final do ano letivo, será avaliado o conhecimento adquirido por meio de um questionário. Os resultados parciais revelaram respostas positivas dos alunos com estímulo à curiosidade pela contribuição direta no processo de educação ambiental. Destaca-se a valorização deste instrumento pela professora e pela coordenadora pedagógica. Observou-se também que a metodologia participativa propiciou a disseminação do conhecimento pelos alunos como agentes ativos na educação ambiental de amigos e familiares. Neste sentido, o impacto socioambiental do trabalho tem gerado futuras parcerias no município e região para a ampliação das atividades.